sexta-feira, 22 de agosto de 2008

Cotidiano de um casal feliz _ Jay Vaquer

Ele manda em tudo, em todos
curte seu poder
E deixa a esposa em casa
pra brincar no treco
de qualquer traveco
em troca de prazer
vai saber porque ..
E a esposa anda malhada
fez lipoescultura
e a falta de cultura
nunca foi problema
ela tem dinheiro
pra dar e vender
lê Paulo Coelho e seicho-no-ie
vai saber porque. . .

E eles têm escravos
disfarçados de assalariados
diariamente humilhados
se levantam cedo, se arrumam apressados
têm hora marcada pra falar com Deus

Alguém sabe dizer o que é normal?
Pode parecer tão natural

Ele guarda no H.D.
fotos de crianças nuas, pra tirar um lazer
Curte ver aquilo quando fica só
Ela conta os passos que dá no trajeto
entre a terapia e a boca do pó

E até pensa em adotar alguma criatura,
pode ser uma criança ou um labrador
Só depende da raça, depende é da cor
que pintar primeiro..
Ele faz como ninguém a cara de quem não sabe mentir
pode admitir pra ocupar o vazio da relação
mas com uma condição
não quer dar banho, nem limpar merda o dia inteiro


Alguém sabe dizer o que é normal?
Pode parecer tão natural



23/08/08 ÀS 18hs, ENCONTRO COM OS FÃ DO JAY.
PRAÇA VERA ARRUDA.

Um comentário:

Feliphy Gomes disse...

Q letra do caralho !!
eoieo
interessante viu ! ;p
vou prcurar algo mais sobre esse kra !!
bjos assassina d lasanhas !!